100 MIL TURISTAS CHINESES PODEM VISITAR CABO VERDE

Perto de 100 mil turistas chineses podem visitar Cabo Verde «a partir do momento em que melhorar as suas infraestruturas turísticas», afirmou o vice-presidente do Conselho de Promoção do Comércio Internacional da China (CCPIT), Zhang Wei.

 

“Há cerca de 100 mil chineses que têm vontade de fazer turismo em Cabo Verde, se o país construir melhores instalações turísticas, como hotéis, mas também infraestruturas rodoviárias”, realça o responsável da CCPIT, apontando os casos da Itália ou Grécia, que anualmente recebem centenas de milhares de turistas chineses. 

Segundo Zhang Wei, citado pelo "ABola" online a posição geográfica de Cabo Verde, ao largo do nordeste do continente africano e próximo dos arquipélagos das Canárias (Espanha), Madeira e Açores (Portugal), «é um dos principais trunfos que o país apresenta».

Igualmente, o jornal frisa a construção de grandes empreendimentos hoteleiros, nomeadamente o do empresário de Macau, David Chow, na ilha de Santiago, bem como as apostas das cadeias hoteleiras norte-americana Hilton e a espanhola Meliá.

Recentemente, aquando da sua passagem por Cabo Verde, o ministro chinês dos Negócios Estrangeiros, Wang Yi, prometeu «apoio incondicional» do governo de Pequim ao desenvolvimento da economia marítima do país, onde já se tem a parceria da China na futura zona económica especial da ilha de São Vicente.