TURISMO NO SAL QUALIFICA-SE COM 4 NOVOS HOTÉIS

TURISMO NO SAL QUALIFICA-SE COM 4 NOVOS HOTÉIS

A Cabo Verde investimentos regozija-se em anunciar mais 4 novos Hotéis, com a categoria entre 4 e 5 Estrelas, na ZDTI de Santa Maria na ilha do Sal e que estarão concluídos até ao final do corrente ano. Deste grupo constam os seguintes empreendimentos:

O “Hotel Hilton Santa Maria”, promovido pelo grupo Batuque SA, é um hotel de 5 Estrelas com 240 quartos e tem associado o primeiro Casino de Cabo Verde, o Royal Casino. Este grupo comprou recentemente o Hotel Dja d’Sal Holiday Inn que será demolido para dar lugar a um novo Hotel.

O “Royal Decomeron Hotel”, promovido pelo grupo New Horizon, irá oferecer 560 quartos distribuídos por dois Hotéis, um de 4 Estrelas e outro de 5 Estrelas que tem em comum os serviços de apoio.

O Llana Beach Hotel de 5 Estrelas, com 601 suites, é promovido pelo The Resort Group, proprietário do Tortuga Beach Resort e Dunas Beach Resort, ambos já em funcionamento no Sal. No plano de negócio desse Grupo para os próximos anos constam ainda o Hotel Hilton na Praia e o White Sands Resort na Boavista.

Também em fase avançada de construção está o Aparthotel “Dja d’Sal Moradias & Aqua Park”, uma parceria entre o Grupo Halos e a Turinvest SA. Este empreendimento é constituído por 112 apartamentos e fará parte do Halos Hotel cuja construção deverá arrancar ainda este ano.

Para além dessas unidades, estarão em remodelação e ampliação o Hotel Dunas de Sal, o Hotel Crioula, o Hotel Sobrado e o Hotel Riu Funaná. Este ultimo vai receber a categoria mais elevada do grupo e passará a designar-se Hotel “Riu Palace Funaná”.

Estes projectos representam um investimento superior a 250 milhões de Euros, financiados na sua maioria com recursos provenientes do exterior. Com a entrada em funcionamento dessas novas unidades, a ilha do Sal contará com mais 1.675 quartos e cerca de 3.300 camas. Vão ser criados mais de 1.600 novos empregos directos e cerca de 700 empregos indirectos e induzidos.

Em termos percentuais, essas novas unidades hoteleiras representam um acréscimo de 15,8% de quartos em relação ao total nacional, passando de 10.626 (INE 2015) para 12.301. A ilha do Sal passará de 5017 quartos (INE 2015) para 6.692 quartos, o que representará um acréscimo de cerca de 33% em relação ao ano transacto.