Porquê Cabo Verde

13

Localização

A 450 km da Costa Ocidental Africana, no meio do oceano atlântico, Cabo Verde beneficia de uma boa localização geográfica estratégica, entre os continentes Africano, Europeu e Americano, e a menos de 4 horas de voo da Europa e América. O país é constituído por 10 ilhas dos quais 9 são habitadas, divididos em dois grupos:

Ao norte, as ilhas de Barlavento.
Visto na perspetiva oeste para leste, encontram-se as ilhas:

  • Santo Antão,
  • São Vicente,
  • Santa Luzia (desabitada e reserva natural),
  • S. Nicolau,
  • Sal e
  • Boa Vista;

Ao Sul, as ilhas de Sotavento.
Enumerando-as de Leste para Oeste, temos as ilhas:

  • Maio,
  • Santiago,
  • Fogo e
  • Brava

Geografia

Arquipélago de Cabo Verde é um país de contrastes geográficos e com paisagens diversificadas, a maior parte das ilhas são montanhosas relevo acidentado e de contrastes, onde montanhas imponentes se diluem em planícies e praias de areias extensos e águas cálidas, e onde o verde da vegetação se mistura com o castanho de uma paisagem quase desértica. Mas também existem ilhas planas (Sal, Boavista e Maio) que tem longas de areias brancas e água verde-esmeralda.

Perfil do País

  • Área: 4,033 km2 / 10 ilhas
  • População: 525,000 estimada
  • Clima: Tropical seco, com temperatura média de 25º e do mar 22º, com duas estações do ano, a mais longa a estação seca que dura a maior parte do ano, e a húmida que vai de Agosto a Outubro
  • Diversidade étnica: Crioulos (mulato) 71%, Africanos 28%, Europeus (1%)
  • Religiões principais: Cristã (católico romano e Protestantes)
  • Capital: Cidade da Praia
  • Moeda: Escudos Cabo-verdiano (CVE); 1 EURO (€) =110,265 Escudos (CVE)
  • Sistema político: Multipartidário. Cabo Verde tem hoje um regime parlamentar estável.
  • Línguas Oficiais: Português e Crioulo. Inglês e Francês são utlizados como línguas de trabalho
  • Horário: CVT (UTC-1)
  • Código internacional: 238
PORQUÊ CABO VERDE?

Estabilidade Política

  • Boa Governação 3º Melhor em Àfrica – Mo Ibrahim Found;
  • País de 1ª categoria Freedom House
  • 27ª Democracia no Mundo
  • Perceção da corrupção (Intern. Transparency) 2º em África e 39º no Mundo

Estabilidade Social

  • Desenvolvimento Humano– UNDP 3º em África
  • Qualidade de vida -EIUnit Index 3º em África
  • Taxa Literacia - 95% Da população jovem

Estabilidade Económica

  • Liberdade económica 1º na CEDEAO e, 3º em África (Economic Freedom Index- Heritage Foudation)
  • 4º em Africa no Acesso à internet
  • 5º em Africa no desenvolvimento das infraestruturas
    International Investment Guarantees and Agreements
  • Benefícios fiscais sectoriais

Acordos Internacionais - Acesso a Mercados

Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO). Criada em maio de 1975 pelo Tratado de Lagos, a CEDEAO é um grupo de 15 países cujo mandato é promover a integração económica em todas as áreas de atividade dos Estados-membros. Esses Estados-membros da CEDEAO são o Benim, o Burkina Faso, Cabo Verde, Côte d’Ivoire, a Gâmbia, o Gana, a Guiné, a Guiné-Bissau, a Libéria, o Mali, o Níger, a Nigéria, a Serra Leoa, o Senegal e o Togo.

O AGOA (African Growth and Opportunity Act) é um Decreto-Lei do congresso norte-americano, promulgado pelo então presidente Bill Clinton e tem como objectivo incentivar o comércio e os investimentos na África Subsariana, com a expansão do Sistema Generalizado de Preferências (SGP), em cerca de 1800 produtos, garantindo-lhes acesso preferencial, sob uma taxa aduaneira de 0%, e sem restrição de quotas, com a excepção dos artigos têxteis, que se regem por disposição específica.

Comunidade dos Países de Língua Oficial Portuguesa. Fazem parte da Comunidade: Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor Leste

O CAD Fund é um dos principais instrumentos para fomento de investimento chinês em Africa, tendo já investido em 84 projetos em 36 países da Africa cujo montante ronda as 3.2 biliões de USD.  

 

Lista de Acordos Internacionais