Notícias/Eventos

CABO VERDE TRADEINVEST ASSINA PROTOCOLO COM A DIREÇÃO NACIONAL DE RECEITAS DO ESTADO

A Cabo Verde TradeInvest acaba de assinar, hoje, 19 de Julho de 2017, na sua sede, um Protocolo de Cooperação de Serviços, com a Direção Nacional de Receitas do Estado, no intuito de facilitar e simplificar o processo de reconhecimento do investimento (“One Stop Shop”).

 

Mais informação ver o link abaixo:

https://www.facebook.com/Dire%C3%A7%C3%A3o-Nacional-de-Receitas-do-Estado-650125645096401/?hc_ref=ARR6rpQXzUMoatKElfeXQMM626SDWnPeL5g1zUKL15vtz9SsZPqRB4ZPbZoU2YhF3c0&fref=nf

 

JOSÉ DA SILVA GONÇALVES CONVIDA SEU HOMÓLOGO DAS ILHAS BALEARES A VISITAR CABO VERDE

Durante a visita que o Ministro da Economia e Emprego efectuou no passado dia 11 de julho a Palma de Maiorca, José da Silva Gonçalves convidou o Conselheiro do Governo de Trabalho, Comércio e Indústria da Região Autónoma das Baleares para visitar Cabo Verde, devendo o mesmo acontecer em setembro ou outubro do corrente ano.

Na altura, prevê-se a assinatura de protocolos de cooperação nas áreas de Formação Profissional ligada ao turismo e portos.

Recorde-se que Maiorca, nas Ilhas Baleares, é reconhecida mundialmente pela sua capacidade a nível do turismo, e as maiores empresas ligadas ao sector em Cabo Verde, como a RIU, o Melia e a Iberostar estão aí sedeadas.

Fonte: https://web.facebook.com/Min.Economia.Emprego/?hc_ref=ARQeyRoaiF9nQH8PExeAGDGMjYujLpMh3OHiFOijiVXRtwc_aRTTLVYGkN5eYg7sOaE~~&_rdc=1&_rdr

100 MIL TURISTAS CHINESES PODEM VISITAR CABO VERDE

Perto de 100 mil turistas chineses podem visitar Cabo Verde «a partir do momento em que melhorar as suas infraestruturas turísticas», afirmou o vice-presidente do Conselho de Promoção do Comércio Internacional da China (CCPIT), Zhang Wei.

 

“Há cerca de 100 mil chineses que têm vontade de fazer turismo em Cabo Verde, se o país construir melhores instalações turísticas, como hotéis, mas também infraestruturas rodoviárias”, realça o responsável da CCPIT, apontando os casos da Itália ou Grécia, que anualmente recebem centenas de milhares de turistas chineses. 

Segundo Zhang Wei, citado pelo “ABola” online a posição geográfica de Cabo Verde, ao largo do nordeste do continente africano e próximo dos arquipélagos das Canárias (Espanha), Madeira e Açores (Portugal), «é um dos principais trunfos que o país apresenta».

Igualmente, o jornal frisa a construção de grandes empreendimentos hoteleiros, nomeadamente o do empresário de Macau, David Chow, na ilha de Santiago, bem como as apostas das cadeias hoteleiras norte-americana Hilton e a espanhola Meliá.

Recentemente, aquando da sua passagem por Cabo Verde, o ministro chinês dos Negócios Estrangeiros, Wang Yi, prometeu «apoio incondicional» do governo de Pequim ao desenvolvimento da economia marítima do país, onde já se tem a parceria da China na futura zona económica especial da ilha de São Vicente.

ENCONTRO ANUAL CHINA PLPS – CIDADE DA PRAIA, JUNHO 2017

O Encontro de Empresários para a Cooperação Econômica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa, Praia – 2017, sob o LEMA: “Promoção de oportunidades para uma cooperação económica entre a China e os Países da Língua Portuguesa” irá decorrer na cidade da Praia de 16 a 18 de Junho.

Visite o Website do evento em: http://eventos.cvtradeinvest.cv

I FÓRUM ECONÓMICO PORTUGAL – CABO VERDE

Ana Lima Barber – Presidente da Cabo Verde TradeInvest estará presente como oradora no I Fórum Económico Portugal – Cabo Verde e I Encontro dos Investidores da Diáspora Cabo-verdiana, 09 e 10 de junho, no Europarque.

Assumindo a importância das relações económicas e comerciais entre Portugal e Cabo Verde, Cape Verde Global Business e a Câmara Municipal De Santa Maria Da Feira, com apoio institucional da Embaixada de Cabo Verde em Lisboa, promovem o I Fórum Económico Portugal Cabo Verde, um evento único de caráter multissectorial que visa incrementar as relações entre Portugal e Cabo Verde ao nível empresarial e institucional tendo como objetivo principal, identificar oportunidades concretas de negócios e criar uma plataforma de “business network” entre empresários dos dois países.

Os objetivos deste Fórum passam pela identificação de oportunidades de negócios e investimentos; reforço das relações comerciais bilaterais, com vista à melhoria da interação entre os vários stakeholders; conhecimento dos acordos preferenciais de acesso aos mercados externos dos quais Cabo Verde beneficia; partilha de experiências, obtenção de informações, aumento do conhecimento sobre os setores prioritários e estratégias de investimento; ampliação da rede de contatos entre os participantes; plataforma de networking, com participação de decisores e da comunidade empresarial dos dois países; realização de encontros B2B; incentivo à cooperação das relações bilaterais entre o setor privado dos dois países.

Este Fórum contará pela primeira vez com um show-room de produção cabo-verdiana, que consiste na exposição de um conjunto de produtos com valor acrescentado e preparados para exportação, que estará presente no decorrer de todo o evento, denominado de “Mostra di Terra”.

Pretende-se que este Fórum seja um marco nas relações empresariais luso-cabo-verdianas, a Cabo Verde Global Business e a Câmara Municipal de Santa Maria da Feira, visam proporcionar um melhor diálogo entre os vários stakeholders do ecossistema empresarial dos dois países, objetivando a identificação de novas tendências de mercado e novas estratégias de cooperação, que facilitem e facultem incentivos para o aumento da integração empresarial nas mais diversas áreas.

A primeira parte do Fórum será destinada à conferência principal e a três painéis temáticos subordinados às oportunidades de negócios e investimentos em Cabo Verde e a segunda parte será consagrada ao networking empresarial, através de reuniões B2B entre os participantes.

O I Fórum Económico Portugal-Cabo Verde é destinado às empresas, empreendedores, investidores, organizações e associações empresariais e setoriais e entidades de ambos os países, que queiram aprofundar contactos e conhecimentos, com vista à promoção de negócios. Como exemplo de participação, este evento contará com a presença de 15 mulheres empresárias de Cabo Verde, que se encontrarão em Missão Empresarial à Região de Santa Maria da Feira, através da AMES – Associação de Mulheres Empresárias de Santiago.

Este evento terá lugar no dia 09 de Junho no Europarque em Santa Maria da Feira, decorrerá em simultâneo com um conjunto de ações do FórumBizfeira e inauguração do Centro Empresarial do Europarque, que integra uma conferência sobre a 4ª Revolução Indústrial, biztalks, exposições, workshops e networking, organizadas pela Câmara Municipal de Santa Maria da Feira.

Ir para a página do Fórum para mais informações

III MISSÃO EMPRESARIAL ALEMÃ DE ENERGIA A CABO VERDE

III MISSÃO EMPRESARIAL ALEMÃ DE ENERGIA A CABO VERDE (SANTIAGO) COM O TEMA “GESTÃO DE REDES E DIVERSIFICAÇÃO DE ARMAZENAMENTO EM CABO VERDE”

Cabo Verde depende principalmente de fontes de energia primária, enquanto a maior parte da energia elétrica é gerada a partir de combustíveis fósseis. Os preços elevados de eletricidade que resultam dos custos de importação de combustíveis fósseis, têm um impacto negativo na situação económica geral do arquipélago. Por conseguinte, os investimentos numa produção eficiente de energia a partir de fontes renováveis deverão gerir resultados positivos e reduzir, ao mesmo tempo, a vulnerabilidade do país perante um aumento de preços dos combustíveis fósseis.

Atualmente, Cabo Verde encontra-se numa transição energética. O objetivo é obter um melhor aproveitamento de energias renováveis e a sua integração na rede elétrica, existindo por isso um elevado potencial para a introdução de tecnologias e medidas de gestão de redes e de diversificação de armazenamento. Por sua vez, a Alemanha é hoje um dos países europeus pioneiros nessa matéria.

Neste âmbito, a Câmara de Comércio e Indústria Luso-Alemã (CCILA) realiza a

III Missão Empresarial Alemã de Energia a Cabo Verde entre 8 – 12 de maio de 2017, incluindo o III Simpósio Germano-Cabo-Verdiano de Energia e Reuniões Bilaterais.

Faz Download da Apresentação em Português

Faz Download da Apresentação em Inglês

Faz Download da Ficha de Inscrição

ESTAMOS CONTRATANDO …

— ANÚNCIO —

A CABO VERDE TRADEINVEST é a Agência de Promoção de Investimento e Exportação de Cabo Verde, que tem por missão promover, divulgar, coordenar e acompanhar o investimento privado, nacional e externo, bem como as exportações de bens e serviços de Cabo Verde.

Procura, para prestar serviços a partir da Cidade da Praia:

(Veja os anúncios clicando nos links abaixo)

Gestores de Clientes Investimentos

Diretor de Investimentos

Diretor de Marketing e Comunicação

PRESIDENTE DA CABO VERDE TRADEINVEST PRESENTE NO ANNUAL INVESTMENT MEETING, NO DUBAI

A Presidente de Cabo Verde TradeInvest Dra. Ana Lima Barber estará presente no Dubai, nos dias 2 a 4 de Abril, para participar no evento “Annual Investment Meeting”, no domínio do oportunidades de negócio.

Esta Conferência anual de investimentos é uma oportunidade para a promoção de intercâmbio de cooperação no domínio de investimentos entre os vários países.

Esta 7ª edição do encontro Anual de Investimento reunirá cerca de 140 países, mais de 100 representantes oficiais e mais de 500 expositores para a feira, que decorrerá em simultâneo.

APRESENTAÇÃO DO LOGOMARCA E O LANÇAMENTO DO NOVO SITE DA CV TRADEINVEST

Informação à Imprensa: Apresentação do Logomarca e o Lançamento do Novo Site da CV TradeInvest

A Cabo Verde TradeInvest vai realizar no próximo dia 27 de Março, pelas 18:30, no Hotel Praia Mar, uma cerimónia de lançamento do Logomarca e do Novo Website.

A cerimónia contará com a presença da S.ª Exc.ª Sr. Primeiro Ministro, Dr. Ulisses Correia e Silva, ilustres convidados, nomeadamente entidades oficiais, investidores e parceiros da CVTradeInvest.

A Cabo Verde TradeInvest surge num momento de nova estratégia de atração de investimentos para o país e de uma maior dinâmica nas exportações de produtos «Made in Cabo Verde».

A nova Agência pretende estabelecer mecanismos de cooperação e diálogo privilegiado com o sector privado, poder local, com as diversas linhas ministeriais e com as representações diplomáticas e consulares de Cabo Verde, no estrangeiro, no quadro da diplomacia económica.

A Cabo Verde TradeInvest quer ser um veículo privilegiado nas vertentes de facilitação e promoção de investimentos e exportações.

https://www.youtube.com/watch?v=-H51xZpmXoA&feature=em-upload_owner

PRIMEIRO CASINO DE CABO VERDE CRIA 100 POSTOS DE TRABALHO

O primeiro Casino de Cabo Verde foi inaugurado, por S.ª Exc.ª Sr. Primeiro Ministro, Dr. Ulisses Correia e Siva,  no dia 16 de Março de 2017, na Ilha de Sal. Este projeto está agregado ao Hotel Hilton e já criou 100 postos de trabalho diretos.

O Casino Royal tem vindo a funcionar, de forma experimental, desde Dezembro, e encontra-se localizado na Avenida dos Hotéis, em Santa Maria, na ilha do Sal, a mais turística do arquipélago.

O Projecto Casino é um investimento de cerca de cinco milhões de euros e está equipado com 117 máquinas e 11 mesas de jogo.

Até ao momento, tem recebido, em média, cerca de 160 clientes por dia, entre cabo-verdianos e estrangeiros.

Segundo o director, Sasha Putikj, o Casino Royal abrirá oficialmente as suas portas com “uma garantia de qualidade igual a qualquer outro de nível internacional”.

Na sua página na Internet, a Inspecção Geral dos Jogos (IGJ) de Cabo Verde informa que o período de concessão é de 25 anos, a contar da data do início de exploração.

Em declarações à imprensa cabo-verdiana, o Inspector-geral dos Jogos, José Augusto Cardoso, avançou que a entidade já começou a cobrar o imposto especial sobre o jogo e que a atividade está a ser controlada e fiscalizada por um sistema informático e pela presença de inspetores.

Cabo Verde dispõe, desde 2012, de três zonas de jogo de fortuna e azar, distribuídas pelas ilhas de São Vicente, Santiago e Sal.

A cidade da Praia também contará com um outro investimento do género, projeto do hotel-casino, que está sendo construído na praia da Gamboa e no ilhéu de Santa Maria; investimento esse, do Empresário Macaense David Chow, orçado no valor de 250 milhões de euros.

Fonte de notícia:  Agência Lusa / Expresso das Ilhas  – readaptado pela Cabo Verde TradeInvest
Página

php shell shell indir esenyurt escort rolex saat