Formação de promoção do AGOA com retorno muito positivo dos participantes

Formação de promoção do AGOA com retorno muito positivo dos participantes

O webinar “Promovendo exportações através do AGOA e diversificação económica de Cabo Verde”, que teve lugar a 13 de agosto, teve como finalidade a introdução de recursos e oportunidades para as empresas cabo-verdianas oferecidas pelo mercado dos Estados Unidos.

O evento que foi realizado de forma totalmente online foi organizado pela Cabo Verde TradeInvest em parceria com a Câmara de Comércio, Indústria e Serviços de Sotavento e Câmara de Comércio de Barlavento, com o apoio da Embaixada dos Estados Unidos em Cabo Verde, USAID e a West Africa Trade and Investment Hub.

A formação contou com a inscrição de 120 formandos, entre eles as empresas nacionais BADIA Natural Cosméticos, Terra Verde, Royal, Jbey – Sol na Baia, AFREEKANA, Kriol Destillery, Maria Chaves, Vinho Sodade, Zebra Travel e Paradise Soaps. O retorno das entidades envolvidas e dos formandos foi muito positivo e demonstrou a vontade de continuar a trabalhar mais no sentido de exportar os seus produtos para o mercado dos Estados Unidos da América através do AGOA.

 

Maria Graça, Administradora da ASDE Nova

“Parabenizamos os organizadores do webinar AGOA realizado no passado dia 13 de agosto e que efetivamente serviu para um melhor entendimento sobre o AGOA e o West Africa Trade & Investment Hub.

O webinar foi de extrema utilidade e motivador para prosseguirmos com os nossos objetivos de exportação para os EUA. Os especialistas apresentaram os temas de forma clara e objetiva e as informações muito importantes. Devemos agora trabalhar no sentido de tirarmos proveito deste programa tão importante como é o AGOA.

Muito obrigada pela excelente oportunidade que me foi dada em aprender mais sobre o AGOA”.                                                    

 

Inês Silva – Paradise Soaps

“É com grande apreciação que escrevo. Sinto-me reconhecida pelo convite que me foi enviado para participar do evento zoom. Eu considerei muito informativo e consegui entender como a AGOA funciona. Espero sinceramente por novas sessões em breve. Muito obrigada.”

 

Carlos Silva – Terra Verde

“A participação na formação à distância a convite da Cabo Verde TradeInvest sobre os critérios de elegibilidade do AGOA, foi muito importante para ficar a conhecer melhor o AGOA e suas potencialidades de negócio em outro patamar de oportunidades e horizontes que se abrem para alavancar a nossa Marca e produtora de Sabonetes Artesanais Naturais” 

Do lado das entidades organizadoras, a satisfação e o apelo à promoção da exportação também se fizeram notar:

 

Amanda Porter, Ministra Conselheira da Embaixada dos EUA em Cabo Verde

O setor empresarial privado em Cabo Verde tem muito potencial que os Estados Unidos gostariam de ajudar a perceber. Como muitos de vocês sabem, o Ato Africano de Crescimento e Oportunidade (ou AGOA) foi originalmente promulgado em 2000 e foi estendido até 2025.

Apenas 38 países são elegíveis para acesso ao mercado livre de impostos através do AGOA. Com base nesta ferramenta, os mercados poderão fomentar as suas economias, reduzir a pobreza, respeitar os direitos humanos, estabelecer o Estado de Direito e o pluralismo político e combater a corrupção.

Cabo Verde é líder no continente em todas essas áreas. É por isso que, nos próximos anos, gostaríamos de ver mais empresas cabo-verdianas aproveitarem os benefícios do AGOA, contribuindo para o crescimento económico e fortalecendo os laços comerciais com os Estados Unidos.

Mesmo que alguns aspectos da economia de Cabo Verde tenham sido abalados pela pandemia COVID-19, a reputação do país como líder democrático e económico na região permanece forte. E vocês – as empresas do setor privado de Cabo Verde – terão um papel fundamental a desempenhar na recuperação económica do país a partir dessa crise.

 

Ana Maia – Administradora da Cabo Verde TradeInvest

“Promover a exportação, tem especial importância nesta atual conjuntura. É fundamental que empresas com capacidade de exportação consigam abordar mercados internacionais. A pandemia do Covid-19 trouxe muitos desafios ao mundo e mais especificamente a países como Cabo Verde, onde as empresas foram obrigadas a reinventarem-se.

Temos ouvido alguns relatos de empresas cabo-verdianas que só não fecharam as portas porque conseguiram exportar o excedente de produção que tinham previsto para o consumo interno.”

A formação terá continuidade através de um encontro que será realizado em breve com os formandos e entidades envolvidas, no sentido de abordar quais as necessidades de adequação do AGOA ao contexto cabo-verdiano para a promoção da integração desta ferramenta na exportação e, consequente, pleno usufruto dos seus benefícios.

CV TradeInvest e USAID/West Africa Trade Hub organizam formação para Exportação através do AGOA https://cvtradeinvest.com/news/cv-tradeinvest-e-usaid-west-africa-trade-hub-organizam-formacao-para-exportacao-atraves-do-agoa


 
Documentos para o setor privado de Cabo Verde